Artigos

Artigos

Os artigos divulgados neste espaço são originais e podem ser utilizados para fins não comerciais desde que com referência ao autor e fonte.

Qualquer utilização com fins comerciais carece de autorização prévia da autora.

O brincar na infância

O Brincar está presente ao longo da vida de um ser humano, mesmo nas idades mais precoces. Nunca é demasiado cedo para brincar com uma criança.

Perturbação de Défice de Atenção

É rara a semana em que, em jornais nacionais ou revistas internacionais, não surja publicado algum artigo sobre a Perturbação de Défice de Atenção (PDA).

O peso do corpo perfeito no Verão

A aproximação do Verão é a altura propícia para o desenvolvimento de preocupações excessivas sobre a imagem corporal.

Compreender o medo: da normalidade à doença

Actualmente, o medo constitui uma das preocupações mais comuns a pais, filhos, crianças, adolescentes, e até mesmo adultos.

Perturbação de ansiedade generalizada e pânico

O estudo científico da Perturbação de Ansiedade Generalizada e de Pânico, em crianças e adolescentes, é recente. De forma cada vez mais frequente, surgem crianças / adolescentes com sintomas de ansiedade excessiva e persistente...

Saber dizer não

Ser Assertivo – Saber dizer “NÃO”!

A assertividade, conceito que tem sido objecto de estudo nos últimos trinta anos, é uma palavra aparentemente nova na sociedade portuguesa.

Ansiedade nas crianças

A ansiedade constitui uma resposta primária de defesa perante situações percebidas como ameaças de danos ou desafios, a qual visa a manutenção da integridade física e psicológica do indivíduo. Ao longo do desenvolvimento humano, a ansiedade assume formas adaptativas e não adaptativas.

O nascimento de um novo irmão

Todas as crianças, e até mesmo adolescentes, revelam algum desconforto com o nascimento de um novo irmão e é natural que assim seja. Afinal, trata-se de um processo de integração de um novo elemento no seio de uma família já constituída...

A morte na infância e adolescência

Em qualquer etapa da vida de um ser humano, a morte constitui um acontecimento não normativo, desencadeando uma crise de vida não antecipada.